SPYRO THE DRAGON
CRASH BANDICOOT
 
JOGOS LANÇADOS
DICAS DOS JOGOS
DETONADOS PUBLICADOS
PERSONAGENS
 
PRÉVIA CTR: NITRO-FUELED
JOGOS LANÇADOS
DICAS DOS JOGOS
DETONADOS PUBLICADOS
PERSONAGENS
 
ÁREA FÃ
CONCURSO CULTURAL 2017
JOGOS ONLINE
LINHA DO TEMPO
LINKS RECOMENDADOS
JOGOS RECOMENDADOS
PARCEIROS
CONTATO
JOGOS LANÇADOS DICAS DOS JOGOS  DETONADOS PUBLICADOS PERSONAGENS
Página Inicial

CTR CRASH TEAM RACING: NITRO-FUELED

GALERIA PRÉVIA ANÁLISE
 
FICHA TÉCNICA
 

Produtora Beenox Studios
Publicadora Activision Inc
Distribuidora Activision Inc
Plataforma(s) PlayStation 4 - Xbox One - Nintendo Switch
Classificação Livre
Data de Lançamento 21/06/2019
Gênero Corrida
Número de Jogadores 1-4 (local); 2-8 (online)
Acessórios Modo Online - Multiplayer
 
GALERIA
 
Imagens do Jogo
 
Vídeos do Jogo
 
Trailer oficial do jogo apresentado durante a The Game Awards 2018 - 06/12/2018 - Canal PlayStation
 
 
ANÁLISE
 

SOM

                   
10

7.6

bom

Pontos Positivos
* Gráficos impressionantes * Sons e efeitos sonoros muito bem elaborados * Jogabilidade fiel ao clássico de PS1 * Vasto conteúdo para o jogador (personagens, pistas, arenas, itens de customização)
Pontos Negativos
* Modo online injusto (matchmaking favorece jogadores experts) * Dificuldade mal calibrada * Glitches não são consertados * Micro-transações
GRÁFICOS
                   
8
DESAFIO
                   
6
JOGABILIDADE
                   
8
GERAL
                   
6
 
Análise do Jogo
por Paulo DB - 21/07/2019 - Análise da versão PS4

           Após o grande sucesso de "Crash Bandicoot: N. Sane Trilogy", que vendeu mais de 10 milhões de unidades nas plataformas que foi lançado, a Activision certamente se animou e resolveu repetir a fórmula trazendo um outro grande sucesso do passado em sua versão remasterizada/refeita. O escolhido foi "Crash Team Racing" que ganhou um subtítulo, sendo chamado de "Crash Team Racing: Nitro-Fueled".

            Joguei por algum tempo o jogo e acho que agora tenho condições de trazer uma análise deste jogo.

            Outros detalhes que não forem mencionados nessa análise, consulte a prévia do jogo logo abaixo, após este texto (até para que este não fique repetitivo).

           O jogo conta com os mesmos elementos e modos de jogo da versão original de 1999, desenvolvida pela Naughty Dog: Aventura, onde escolhemos um piloto e jogamos por 5 áreas com objetivos que variam de coleta de troféus, moedas e relíquias a coleta de joias e outras relíquias. Temos o Arcade que permite escolher diversos modos de jogo, com algumas diferenças que descreverei a seguir. Temos um inédito modo online, onde podemos jogar com amigos em pistas e arenas de batalha. E há uma grande novidade para este jogo que é a adição de um modo competitivo online chamado Grand Prix (ou Grande Prêmio), que também descreverei melhor a seguir. Um detalhe: neste jogo foram incluídas as pistas e os personagens do jogo "Crash Nitro Kart" de 2003, o que aumenta e bastante a quantidade de conteúdo presente no jogo.

            Comecemos então pela Aventura.

           No modo Aventura, como dito anteriormente, o jogador escolhe um piloto e precisa coletar itens em 5 áreas diferentes para derrotar o chefe final, Nitros Oxide. Porém neste jogo há uma grande novidade (e talvez uma coisa pedida por muitos de nós que jogamos o jogo lá no PS1 e o CNK no PS2) - podemos agora jogar no modo "Nitro-Fueled" com qualquer personagem, trocando-o a qualquer momento durante a história, inclusive jogando com os personagens que desbloqueamos ao longo do jogo. Também é possível escolher a dificuldade da história, escolhendo "Fácil", "Médio" ou "Difícil". Nessas dificuldades, não só a inteligência artificial fica mais esperta ou mais "burra", como também os tempos de alguns desafios é alterado de acordo com a dificuldade (com exceção dos tempos de relíquia). A história continua a mesma e as pistas e áreas são as mesmas do Crash Team Racing original, porém com essa diferença de podermos trocar de personagem a qualquer momento, inclusive fazendo as personalizações nos karts (que é outra novidade do jogo, inclusive).

            No modo Arcade podemos escolher os seguintes modos:

- Corrida Única (Single Race) - escolhemos uma pista, o número de jogadores (1 a 4), o número de voltas (3, 5 ou 7), a dificuldade da inteligência artificial (fácil, médio ou difícil), se queremos a pista em modo espelho (pista invertida) e o personagem para jogar (incluindo suas personalizações);

- Copas - escolhemos uma copa composta de 4 pistas (jogando sozinho ou com até 3 amigos) para competir pela maior pontuação baseada nos resultados dessas corridas (Copas Wumpa, Nitro, Cristal, Crash, Velo, Aku e Uka), escolhendo sua dificuldade e o modo espelho;

- Batalha - escolhemos entre várias arenas em que podemos disputar com a inteligência artificial (escolhendo também quantos personagens serão nossos adversários) ou com até 3 amigos com diversos objetivos: (I) Clássica - pontue acertando inimigos com os seus itens favoritos; (II) Capture a bandeira - pegue a bandeira da outra equipe e traga de volta para o portal da sua equipe para vencer; (III) Cata-cristal - seja fominha e pegue a maior quantidade possível de cristais dentro do limite de tempo, mas não seja atingido, senão você pagará o preço; (IV) Último piloto - acerte os oponentes antes que eles acertem você, pois você tem um número limitado de tentativas para ser o último sobrevivente; (V) Roube o bacon - só resta um bacon para todo mundo, pegue-o e corra para o seu portal (parecido com o capture a bandeira, com a diferença que você não precisa ter a sua bandeira na base e pegar a do adversário para pontuar);

- Contra o tempo - esse é o clássico modo "Time Trial". Nele você precisa fazer o seu melhor tempo ou bater os tempos de N. Tropy e Nitros Oxide. Batendo os tempos do N. Tropy em todas as pistas (incluindo as do CNK e excluindo as bônus) para liberá-lo na tela de seleção de personagens. Batendo todos os tempos do Nitros Oxide, você ganha uma skin nova para o N. Tropy (N. Tropy Digital);

- Corrida de Relíquias - você pode jogar qualquer pista do jogo para treinar a coleta de relíquias do CTR ou para coletar as relíquias das pistas do CNK e das pistas bônus;

- Desafio CTR - funciona da mesma forma que o modo "Corrida de Relíquias", mas o objetivo é coletar as letras C, T e R que estão espalhadas na pista e vencer a corrida para ganhar a moeda CTR;

- Desafio de Cristais - você pode escolher qualquer arena e treinar a coleta dos cristais nas mesmas.

             Agora vamos conferir como funciona o modo Online do jogo:

             No modo Online você pode convidar amigos de sua lista para formarem uma sala privada e jogarem juntos quaisquer das pistas disponíveis ou jogar em uma sala aberta para encontrar outros jogadores para competirem nas mesmas pistas. Há também como disputar batalhas nas arenas do jogo.

             Ao final de qualquer evento, seja Online ou Offline, o jogador recebe Moedas Wumpa que podem ser acumuladas e usadas para comprar itens como adesivos, rodas, pinturas e karts novos e personagens ou skins para estes personagens. No modo online, você pode ganhar mais moedas que no modo offline durante os primeiros 30 minutos jogados, dando 5 vezes mais o número normal de moedas. Cada pista o valor dado de moedas varia de acordo com a dificuldade da mesma. Pistas menores e com menos armadilhas dão menos moedas. Pistas mais longas e com mais armadilhas dão mais moedas. Aos finais de semana o número de moedas é dobrado para quem joga online. Ou seja, o jogo incentiva a competitividade jogando online. Aliás, o número de moedas dadas independe da posição do jogador na corrida (o importante é terminá-la!).

              No início do mês de Julho de 2019 foi lançado para o jogo uma atualização que adicionava o Modo Grande Prêmio. Neste modo, o jogador tem diariamente objetivos novos para cumprir no jogo que dão "Pontos de Nitro". Esses pontos acumulados enchem uma "barra de Nitro" que vão dando prêmios conforme uma certa pontuação é alcançada. Estes prêmios incluem personagens, skins, adesivos, rodas, pinturas e karts. No primeiro Grande Prêmio os personagens novos oferecidos foram as famosas Garotas do Pódio (Ami, Megumi, Isabella e Liz) e a Tawna Bandicoot, formando o Esquadrão Nitro. Além das personagens novas, foi adicionado ao jogo uma nova pista chamada Twilight Tour (Pista do Crepúsculo), cuja ambientação remete às fases egípcias do Crash Bandicoot 3: Warped.

               No PS4 foi incluído no jogo itens exclusivos: uma pista chamada Pista Retrô, que é uma versão clássica da pista Turbo Track do CTR original, além de skins retrô para Neo Cortex, Coco e Crash Bandicoot.

               Agora vamos à análise propriamente dita.

              Deu pra perceber até aqui que o que não falta no jogo é conteúdo. O jogo conta (até a redação dessa análise) com 18 pistas do CTR, 13 pistas do CNK e 2 pistas extras (totalizando 33 pistas), 7 arenas do CTR e 5 arenas do CNK (totalizando 12 arenas) e 16 personagens do CTR, 10 personagens do CNK e 5 personagens do GP (totalizando 31 personagens). Há uma área dedicada a jogar online com amigos e outra dedicada aos recordes do jogo (online e offline, para comparação de tempos). Há um modo aventura com a história do CTR. Enfim, o jogo dificilmente irá entediar os jogadores que curtem jogos de corrida sem compromisso ou que querem melhorar suas habilidades até se tornar um profissional e vencer desafios mais difíceis.

             Nesse quesito o jogo não está mal, sendo o melhor ponto do jogo, juntamente com a parte técnica. A jogabilidade é complicada no começo, porém a curva de aprendizagem é pequena para movimentos básicos. Movimentos mais especiais, como os chamados "Saffi Fire" e "Sacred Fire" são bem difíceis de aprender e estes movimentos são necessários para vencer os fantasmas do Nitro Oxide no modo Time Trial.

             Os gráficos do jogo estão lindíssimos, tendo cenários fiéis aos originais, porém com detalhes impressionantes (alguns locais não possuem boas texturas), mas outros são muito bem feitos, tendo inclusive muito mais vida, com personagens interagindo pelo cenário. Um exemplo é a pista Pirâmide do Papu, onde aparece uma cena hilária onde uma planta carnívora ensina plantas menores o que devem fazer com os karts que passam à sua frente. Em outra pista, a Mina do Dragão, há realmente um dragão na pista e este é um dragão que aparece no jogo "Crash Bandicoot: The Wrath of Cortex" perseguindo o Crash, porém ele envelheceu e não consegue mais cuspir fogo e ficou preso numa caverna cheia de joias a sua volta. Muito divertido isso e dá uma impressão boa para as pistas. As animações de pódio estão muito mais detalhadas e diferenciadas. Cada skin comprada no Pit Stop dá uma animação de pódio nova. As animações dos pilotos nos karts também estão bem feitas, sendo que eles reagem durante as corridas quando são ultrapassados ou quando ultrapassam os adversários.

             Os sons estão muito bem feitos, apesar que a única reclamação que eu faço é que meu pedido não foi atendido. Queria muito poder ouvir os personagens "reclamando" quando caíssem numa armadilha deixada por mim em outro ponto da pista, e não só quando isso acontece quando estou perto. Quiseram deixar realista demais... e isso não curti muito. Mas isso sou eu! Pensando de forma isenta, os efeitos sonoros e músicas estão muito bem colocados e as remasterizações das músicas ficaram muito boas. Aliás, o que foi feito em "Spyro: Reignited Trilogy" também apareceu aqui em CTR. Você também pode alternar as músicas para as originais do PS1 e PS2 no menu de Opções do jogo. O interessante é que inclusive o som dos karts muda para o original quando selecionamos essa opção no jogo.

             O único ponto negativo que vou colocar para o jogo, independente de opinião própria ou não, é para o modo Online, especialmente para o modo multiplayer. A distribuição dos jogadores no "Matchmaking" não é justa, por vezes colocando jogadores profissionais na mesma sala de jogadores regulares ou ruins (como eu). Os jogadores que quiserem ganhar alguma corrida no modo online precisam ter muitas habilidades e serem até profissionais para isso. Além de tudo isso, some isso aos problemas de conectividade. Muitas vezes estava numa sala com amigos e fui tirado dela sem motivo algum! Os jogadores que estão online no console e estão disponíveis na sala aberta aparecem como "Indisponíveis" no jogo, o que obriga a enviar convite para esse amigo, que muitas vezes não consegue se conectar com este que o convidou. Há muitos exploits também em muitas pistas, o que pode frustrar ainda mais jogadores casuais (exploits são trapaças que se aproveitam de bugs ou glitchs das pistas para vencê-las com tempos absurdos). Por isso aconselho a quem for jogar online, que jogue preferencialmente em Sala Fechada com seus amigos que tenham habilidade semelhante no começo. A vantagem de se jogar com outros jogadores melhores que você é que, dependendo do jogador, você poderá aprender melhor a se virar no jogo.

UPDATE: No início do mês de agosto de 2019, a Activision adicionou ao jogo as temidas microtransações. Inicialmente essas microtransações foram colocadas para ajudar os que não tem tempo de jogar e quer comprar todos os itens do Pit Stop mais rapidamente. Tais itens são apenas cosméticos (por enquanto) e não influenciam no gameplay. Outro ponto a destacar é que os glitchs e bugs das pistas não foram corrigidos, nem os tempos de carregamento que continuam extremamente longos.

             Além do Desafio do modo Online ser injusto, destaco também aqui o desafio no modo Aventura na dificuldade "Difícil". Para quem quiser enfrentar essa dificuldade, vai uma dica: treine muito, mas muito mesmo e aprenda a usar os movimentos avançados que mencionei na análise, pois você irá demorar muito para vencer a PRIMEIRA corrida. Não é impossível, mas irá te frustrar muito enfrentar essa dificuldade sem ter o mínimo de costume com as mecânicas avançadas do jogo. Por isso acho que a dificuldade deste modo precisa de uma calibrada. Aliás, não joguei no Fácil, mas me disseram que essa dificuldade está ridiculamente fácil, inclusive para quem nunca jogou antes. Então acho que faltou calibrar melhor a dificuldade.

              No geral, "Crash Team Racing: Nitro-Fueled" é um excelente jogo, bem divertido e irá proporcionar horas e horas de diversão para a família toda. Um jogo mais que recomendado para todos que possuem os consoles PS4, Xbox One e Nintendo Switch. Possui muito conteúdo, muitos desafios a cumprir, gráficos lindos, apesar da dificuldade "descalibrada" em alguns modos.

 
PRÉVIA
 
Prévia do Jogo
por Paulo Moreira - em 19/05/2019

        Confirmando boatos que davam conta que a Activision estaria preparando um novo jogo de Crash Bandicoot para ser lançado em 2019, durante o evento The Game Awards realizado em 6 de dezembro de 2018 foi anunciado para ser lançado em 2019 para PS4, Xbox One e Nintendo Switch o tão aguardado (para a maioria dos que jogaram na época, pelo menos) remaster de CTR Crash Team Racing, com o subtítulo "Nitro-Fueled", o que mais tarde descobrimos a referência de Crash Nitro Kart neste mesmo subtítulo.

         A produtora escolhida para trabalhar nessa remasterização que, ao que parece, não se tratará exatamente de uma remasterização, é a conhecida Beenox Studios. Essa produtora foi responsável por jogos como "Spider-Man: Shattered Dimensions", "The Amazing Spider-Man 1 e 2", "Skylanders: Superchargers" e pela remasterização de "Call of Duty: Modern Warfare", entre outros. Então não se trata de uma produtora inexperiente, o que nos dá uma esperança que o jogo que virá será uma excelente produção, já que todos os jogos que citei foram bem avaliados tanto pelos jogadores como pela mídia especializada.

          Vamos então falar da remasterização em si (ou seria um remake?).

          Digamos então que se trata de um remake. Isso porque, tudo que foi apresentado até agora está se mostrando tão promissor que parece que estamos falando de um jogo totalmente novo. Gráficos atualizados, animações dos personagens, dos karts, detalhes nos próprios karts, efeitos visuais, sonoros e de partículas, cenários muito bem construídos, tudo isso torna esta uma experiência nova de um grande clássico do PlayStation 1.

           Quanto à jogabilidade não podemos falar nada ainda, pois não tive acesso ao jogo, mas quem já jogou diz que os comandos estão muito bem encaixados, que a curva de aprendizagem está a mesma de 20 anos atrás, no PS1. Inclusive os controles são os mesmos.

            Sobre o conteúdo que podemos encontrar no jogo, o que sabemos até agora é que, obviamente, terá modo multiplayer online para até 8 jogadores, o Modo Aventura foi confirmado que será mantido, Modo Batalha também, assim como no jogo original temos todos os personagens da versão original (exceto por Penta Penguin, que não foi confirmado ainda, porém creio que ele esteja no jogo, só que como no original, sendo personagem destravável por código). Aliás, dentre os personagens, poderemos controlar inclusive Nitros Oxide, que não era controlável no jogo original, se não fosse via Game Shark. Agora será jogável de forma oficial, porém isso tem uma explicação.

           Para aumentar a gama de personagens selecionáveis e o conteúdo do jogo, a Beenox resolveu fazer algo incrível! Ela adicionou ao jogo as pistas e os personagens do jogo Crash Nitro Kart, que contava com Nitros Oxide como personagem jogável. Então, além dos personagens de CTR, teremos os personagens (pelo menos a maioria), inclusive os chefes, do jogo CNK.

           Até o momento temos os seguintes personagens e classes confirmadas:

* Personagens Iniciantes: Polar, Pura e Ripper Roo do CTR; Krunk, Real Velo e Zam do CNK.

* Personagens Intermediários: Crash Bandicoot, Dr Neo Cortex, Coco Bandicoot, Dr N. Gin, Pinstripe, Fake Crash e Komodo Joe do CTR; Norm, Nash, N. Trance, Geary e Nitros Oxide do CNK.

* Personagens Avançados: Tiny Tiger, Dingodile, Papu Papu e N. Tropy do CTR; Crunch, Norm Grande e Zem do CNK.

Fonte: Facebook Dragons & Bandicoots

            Além disso, sabemos que cada personagem possuirá uma skin personalizável, tanto para o personagem como para o kart. Inclusive alguns karts e skins de personagens vieram emprestados de Crash Nitro Kart e Crash Tag Team Racing. E o jogo contará com pistas de Crash Nitro Kart, o que nos deixa em dúvida sobre a disponibilidade destas desde o princípio. Será que estarão abertas logo de cara ou precisaremos desbloqueá-las com códigos ou com progresso no modo Aventura ou serão pagas, como conteúdo extra vindo por DLC? Isso não foi confirmado ainda.

            Falando em DLC, o que sabemos é que o jogo contará com conteúdos exclusivos, que virão no pacote "Oxide Edition", revelados nas imagens abaixo, comparando as versões PS4 e Xbox One do jogo:

PlayStation 4

Xbox One

Fontes: PlayStation Store BR e Microsoft Store BR  

           Agora, outra pergunta que fica é: Que "pista retrô" será essa listada nos itens exclusivos de PS4? Aliás, este último item dos conteúdos exclusivos realmente só vão existir no PS4. Infelizmente as versões de Nintendo Switch e Xbox One não contarão com este conteúdo "retrô"...

           O jogo será lançado no dia 21 de junho de 2019 para PS4, Xbox One e Nintendo Switch, sendo vendido a R$ 179,90 no PS4, R$ 180,00 no Xbox One e a Oxide Edition por R$ 229,90 no PS4 e R$ 230,00 no Xbox One. Ou seja, os preços são os mesmos nos dois consoles, porém nenhuma informação oficial da versão Nintendo Switch foi revelada.

           Confira na página do site no Facebook e no Twitter mais imagens e detalhes do jogo, que não foram disponibilizadas aqui. Nosso Facebook é www.facebook.com/dragonsbandicoots e Twitter é www.twitter.com/dragband. Alguns vídeos interessantes do jogo estão sendo compilados numa playlist chamada "Notícias". Confira no Canal D&B! www.youtube.com.br/dragonsbandicoots .

Dragons & Bandicoots © 2001/2019 - Versão 15.1

Site desenvolvido e criado por Paulo Moreira (dragonsb). Os personagens mencionados neste site são marcas registradas de Activision, Inc. O site Dragons & Bandicoots não possui nenhuma ligação com a empresa mencionada.
Site hospedado por Webhost Brasil.